Residencial Veigas

As pistas do Rodoanel vêm da Fernão Dias pelo Cabuçu. Contornam o Recreio São Jorge, deixando o bairro isolado da cidade. Entram na Av. Silvestre Pires de Freitas e atingem 20 casas no Residencial Veigas.

E como será que vai ficar o acesso entre Cabuçu, Taboão, Tanque Grande, Mairiporã?

Será mais um nome para a Estrada do Cabuçu?

Este slideshow necessita de JavaScript.

impacto-rodoanel-veigas-recreio-sao-jorge-cabucu-taboao-mikail-vila-uniao-guarulhos-silvestre pires de freitas

A paisagem da Vila União um bairro de especial interesse social

por: Thays Faccin Borazanian e Eduardo do Nascimento

A Vila União é caracterizada como ZEIS-A (Zonas Especiais de Interesse Social), através da Lei Municipal nº 6.253/07. Esta Lei disciplina o uso, a ocupação e o parcelamento do solo no município de Guarulhos, em conformidade com a Lei nº 6.055, que institui o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Social do Município de Guarulhos.

O trecho do rodoanel que poderá atingir a Vila União tem como proposta um túnel de 1130m que se inicia logo após o recreio São Jorge e desemboca em uma ponte de +/- 550m atingindo o topo da Vila União, a partir dai as pistas devem seguir em corte e aterro pelo limite do Jardim Bananal e Parque Santos Dumont.

380 famílias diretamente afetadas reivindicam que o traçado seja revisto e modificado utilizando outras técnicas de construção menos impactantes para a população, patrimônio historio e patrimônio ambiental.

Visualize a Vila União, Guarulhos, SP em um mapa maior.

(clique nas imagens para ampliar)

Panorâmica 01 - Vl. União, Guarulhos - No centro a área que deverá ser desapropriada conforme a proposta do governo do estado de São Paulo (Dersa)

Panorâmica 02 – Vl. União, Guarulhos -  Vista da Vila União (área diretamente afetada) a partir da bifurcação na Rua Benedito. 

Panorâmica 03 - Vl. União, Guarulhos

Panorâmica 04 - Vl. União, Guarulhos - Próximo a este ponto deverá ser a saída do túnel que continua em um viaduto e atinge o topo da Vila União (mais a esquerda). No fundo a direita o conjunto habitacional do Parque Santos Dumont.

Panorâmica 05 - Vl. União, Guarulhos

Panorâmica 06 - Vl. União, Guarulhos - A Vila União é caracterizada como ZEIS-A (Zonas Especiais de Interesse Social), através da Lei Municipal nº 6.253/07. Esta Lei disciplina o uso, a ocupação e o parcelamento do solo no município de Guarulhos, em conformidade com a Lei nº 6.055, que institui o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Social do Município de Guarulhos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Rodoanel trecho norte e as mudanças do traçado em Guarulhos

por: Thays Faccin Borazanian e Eduardo do Nascimento


Em 25 de maio de 2011, como acontece toda quarta-feira às 18h, o comitê central contra o traçado do rodoanel e o modelo de construção corte aterro se reuniu na câmara de vereadores de Guarulhos. Plínio Soares, diretor da Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Guarulhos, apresentou um vídeo da maquete eletrônica com a vista aérea de todo o percurso do rodoanel trecho norte. O vídeo mostra o percurso original que a Dersa propôs no projeto que está sendo avaliado para licenciamento e implantação. Sendo assim, não mostra as alterações do traçado acordadas através de reivindicação dos representantes populares (sociedade civil, organizações não governamentais, indústrias, e órgãos públicos).

As alterações conseguidas evitaram desapropriação e a fragmentação dos bairros como o Jardim dos Cardosos no Cabuçu. Nesse trecho a nova proposta prevê a construção de um pequeno túnel de aproximadamente 260m, evitando a desapropriação de aproximadamente 340 residências.

No bairro de Bonsucesso, a proposta é que o traçado seja desviado por cima do Parque Residencial Bambi, não segregando o bairro.

Algumas reivindicações ainda não foram atendidas pela Dersa. É o que acontece na Vila União.  A justificativa para o não atendimento das reivindicações de 380 famílias diretamente afetadas é de que as pistas do rodoanel não podem ser construídas em áreas protegidas, como o Patrimônio Histórico do Parque Natural Municipal da Cultura Negra Sítio da Candinha e o Parque Estadual da Cantareira, início de uma contígua mata da Reserva da Biosfera. No trecho da Vila União segue a proposta de um túnel de 1130m que desemboca em uma ponte de +/- 550m e atinge o topo da Vila União, a partir dai as pistas seguem em corte e aterro pelo limite do Jardim Bananal e Parque Santos Dumont.

A população da Vila União luta para que seja revisto o traçado que afeta as 380 casas, e é sem duvidas que a publicação desse vídeo torna-se um forte argumento dos diretamente afetados pelo rodoanel, para solicitar outras opções de construção e traçado como, por exemplo, um túnel que passe subterreamente entre o sitio da Candinha e o Parque da Cantareira e termine próximo da pedreira Reago. Além disso, a opção por um túnel passa a ser muito interessante já que abre discussões para outras opções de acesso ao aeroporto, que ainda não tem um traçado definido.

Em nossa opinião, esse vídeo mostra o mínimo que todos nós deveríamos ter tido acesso desde o inicio. O mínimo que deveria ter sido apresentado desde a primeira audiência pública.

As linhas amarelas em volta da pista significam que ali haverá corte ou aterro. Assista, reflita, construa uma opinião e participe de Guarulhos de ponta a ponta!

———————————————————————

Leia também:

Rodoanel Guarulhos: “Queremos uma obra cara e que não nos afete”

reuniao comite contra o tracado rodoanel e modelo corte aterro em 27 de abril de 2011 camara de vereadores de guarulhos 2Ontem, o comitê central contra o traçado do rodoanel e o modelo de construção corte/aterro se reuniu na câmara de vereadores de Guarulhos, como acontece toda quarta-feira as 17h30 (reunião aberta a população). Acontece que ontem foi uma reunião estendida, pois contou com a presença de outras pessoas além dos membros do comitê, entre elas o Sr. Jose Fernando Bruno, representante da DERSA.

Foi assim:
A DERSA apresentou uma proposta de traçado, fez duas audiências  e enviou o projeto para o licenciamento ambiental. Nós, todos nós, não sabemos exatamente onde a DERSA propõe que o rodoanel irá passar. Quer dizer, temos idéia de todos os bairros que serão afetados, mas se irá passar nessa ou naquela rua, por cima da minha ou da sua casa isso ninguém sabe dizer. Nem a DERSA sabe explicar, pois segundo Jose Fernando Bruno essa informação será divulgada após aprovação do licenciamento ambiental, que deve acontecer no começo de junho.

A prefeitura de Guarulhos se reuniu com representantes da DERSA durante o mês de abril e apontou os pontos mais críticos do projeto:

1.    O traçado
2.    O método construtivo
3.    Os acessos da cidade de Guarulhos ao Rodoanel

A DERSA apresentou algumas soluções:
Rever o trecho que secciona o Jardim dos Cardosos no Cabuçu, a solução apresentada foi um pequeno túnel que reduz +/- 300 desapropriações. Em Bonsucesso o Rodoanel desviará por cima da Jd. Ponte Alta, abraçando o Residencial Bambi. Quanto a desarticulação do sitio da Candinha com o núcleo urbano a DERSA propõe mais um acesso no local. A DERSA não conseguiu apresentar soluções para o reservatório de água do Bananal e a desapropriação da Vila União, porém se propôs em intensificar as conversas com a CDHU para o reassentamento da população. Não apresentou nenhuma outra proposta substitutiva ao modelo de construção corte/aterro. Na próxima quarta-feira Plínio Soares, diretor da secretaria de desenvolvimento urbano participará da reunião do comitê e apontará no mapa as mudanças. O prefeito Sebastião Almeida se reunirá com a DERSA na 1ª semana de maio para novas discussões.

O prof. Antonio Manoel de Oliveira  se apresenta muito preocupado: “o Rodoanel é uma importante obra para a região metropolitana de SP, que vai resolver um problema e trazer muitos outros

Afirma que durante muitos anos a cidade de Guarulhos lutou para fazer a Lei de zoneamento urbano, plano diretor e criação de APAS. E que junto com a população, em uma ação que a comunidade participa da responsabilidade sobre o meio ambiente a obra simplesmente vem e acaba com todo esforço. Acaba com todos os anos de trabalho, abala a vida das pessoas e simplesmente ignora tudo e todos.

Ele lembra que 1994 a Unesco, depois de um grande esforço popular, decretou a Serra da Cantareira como parte da Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, e que não tem sido lembrado pelos empreendedores. O professor considera que essa obra, como está colocada, trará um impacto ético-ambiental irreversível. “Queremos uma obra cara e que não nos afete” e assim, com essa frase conclui sua fala.

Os problemas e as preocupações com a obra são muitos:
Se existe uma nova proposta de traçado não seria necessário um novo EIA/RIMA já que a proposta que desvia o traçado em Bonsucesso desmatará 1 milhão e 400 mil m² de mata atlântica? Como teremos certeza de que será implantado o que está sendo proposto? E as compensações ambientais, 50% será feita no parque do Ipiranga e não em Guarulhos!?!! E os animais domésticos? São muitos e não será possível que a população divida espaço com eles nos apartamentos da CDHU. E os patrimônios históricos e naturais como a casa da Candinha e o Geoparque ciclo do ouro que sofrerão profundos impactos com a execução da obra. A DERSA defende que a poluição do ar nas marginais diminuirá em 6%, mas esquece que aumentará em 100% a poluição por onde o rodoanel vai passar.E a  poluição sonora? O aumento da temperatura? A fauna? A flora? As bacias hidrográficas? Nascentes? Aqüífero? E por fim a vida das pessoas e a história de cada um….quanto custa? Isso tem preço?

———————————————————————

———————————————————————

Leia também:

HOJE 23.02.2011 – Audiência pública traçado Rodoanel trecho Norte

Acontecerá audiência pública para discutir novas ações, na tentativa de impedir o traçado para o Rodoanel trecho norte proposto pelo Dersa.

Hoje, as pessoas presentes na Câmara Municipal de Guarulhos devem ter maturidade para argumentar e participar da construção de um novo traçado, com o propósito de atender os direta e indiretamente afetados pela implantação do Rodoanel em Guarulhos.

23 de fevereiro de 2011, ás 17h30 na Câmara Municipal que fica na rua João Gonçalves, 598, no Centro de Guarulhos

———————————————————————

Leia também:

Por onde vai passar o rodoanel em Guarulhos?


vídeo com vista aérea do traçado completo do Rodoanel Trecho Norte

Conforme o projeto que foi licenciado, esses são os bairros de Guarulhos que serão afetados pela construção do Rodoanel Norte.

Bairros de Guarulhos afetados pelas remoções e desapropriações:

Bairros de Guarulhos afetados pela segregação urbana:

Proposta Dersa traçado Rodoanel trecho Norte área diretamente afetada guarulhos EIA - RIMA

Proposta Dersa traçado Rodoanel trecho Norte área diretamente afetada. Clique na imagem para ampliar (2,19Mb)

Rodoanel trecho norte Guarulhos - proposta de licenciamento Dersa

clique na imagem para fazer download do arquivo JPG (5,47Mb)

Em nenhuma apresentação do Dersa eu consegui entender exatamente por onde eles propõem que passe o rodoanel em Guarulhos.

Por isso, peguei a imagem que já estava disponível neste blog + as imagens do mapa que estava exposto no dia da última audiência e fiz um grande mosaico com imagens de satélite do google.

Existe uma margem de erro, por isso nada de pânico se o rodoanel estiver em cima da sua casa. Vale lembrar que é uma proposta, o que significa que pode não acontecer ou não acontecer assim. Esta é somente a proposta do Dersa.

———————————————————————

Leia também:

Proposta Dersa traçado Rodoanel trecho Norte – área diretamente afetada – download EIA / RIMA

Proposta Dersa para rodoanel trecho norte
Conheça a proposta do Dersa para o caminho do Rodoanel Mario Covas trecho Norte, qual será a área de abrangência e que bairros serão diretamente afetados.

Proposta Dersa traçado Rodoanel trecho Norte área diretamente afetada guarulhos EIA - RIMA

Proposta Dersa traçado Rodoanel trecho Norte área diretamente afetada. Clique para ampliar (2,19Mb)

A próxima audiência publica acontecerá em 19 de Janeiro de 2011 ás 17h00, no Open Hall Convention Center – Salão Brasil, Av. Antônio de Souza, 779, Guarulhos – SP.

Por isso reunimos aqui algumas informações importantes e úteis. Os arquivos são pesados, mas vale a pena baixar. “O conhecimento aliado à mobilização popular inibe hábitos retrógrados e insuportáveis“.

———————————————————————-

Esses links são para download direto do site do DERSA.

Relatório de Impacto Ambiental – RIMA
Programa Rodoanel – Trecho Norte

COMPLETO – Relatório de Impacto Ambiental [250 Mb]

———————————————————————-

Estudo de Impacto Ambiental – EIA
Programa Rodoanel – Trecho Norte

———————————————————————

Leia também:

O conhecimento aliado à mobilização popular inibe hábitos retrógrados e insuportáveis

A notícia do Rodoanel chegou como um foguete. Não tinha idéia de que aconteceria assim. Claro que já ouvi muito falar da construção, mas que passaria a poucos quilômetros da minha casa, isso nunca.

Não se licencia uma obra desse porte na velocidade da luz. Não tem como.

Na 2ª audiência teve tumulto, mas o sensato precisou ser ouvido no grito. Essa seria a segunda de três audiências publicas realizadas antes do licenciamento ambiental para a construção do Rodoanel!?!! E como alguma pessoas podem pensar que tudo bem Rodoanel assim e levantarem cartazes a favor?!?

Vamos lá, o estudo do Dersa foi longo e experiente o suficiente para que tudo seja feito as pressas, sem ouvir as pessoas direta e indiretamente afetadas e sem mesmo se importar com as vidas?

Ontem, no minúsculo anfiteatro F da UnG foi adiada a audiência publica fazendo prevalecer o bom senso clamado pela população.

Este slideshow necessita de JavaScript.

———————————————————————

Leia também:

Audiência pública em Guarulhos sobre a construção do trecho norte do Rodoanel acaba adiada

Na tarde de ontem, 15 de novembro, o auditório da UnG sediou a 2ª audiência publica sobre a construção do trecho norte do Rodoanel Mário Covas. Além da presença da população formada por pessoas a favor das obras e opositores, o evento também contou com a presença do prefeito e vereadores de Guarulhos, representantes do Conselho Estadual do Meio Ambiente (CONSEMA) e Departamento Rodoviário SA (Dersa).

O tumulto começou durante a segunda parte da audiência, quando o publico começou a se manifestar contra a forma que os interessados na construção da obra estão conduzindo o projeto. A seção ficou fechada por cinco minutos e, antes mesmo de recomeçar algumas do publico mais exaltadas entraram em conflito corporal. A briga foi apaziguada pelo próprio publico e pelos dois representantes da Guarda Metropolitana que faziam a segurança do evento.

Após longa discussão, a mesa diretiva através de decisão do prefeito Almeida, assumiu que o espaço físico não comportava um evento de tamanha importância. Deste modo, anunciou que ainda na tarde de hoje, dia 16 de dezembro, durante nova audiência que ocorrerá na Casa de Portugal em São Paulo, será divulgada nova data e local para realização da Audiência Pública.

Este slideshow necessita de JavaScript.

———————————————————————

Leia também:

O valor da obra não importa – Trecho Norte do Rodoanel em Guarulhos

O valor da obra não importa.

O estado de São Paulo já é reconhecido entre as regiões onde acontecem grandes transações econômicas mundiais.

Dentro desse estado está a cidade mais rica do país e com a tradição de ditar as regras econômicas do Brasil. A cidade de São Paulo já cresceu muito e ainda precisa crescer mais, não dá para parar esta cidade brutal.

Observando o estado de São Paulo como um grande organismo econômico, fica compreensível que este centro precisa escoar seus produtos de negociações mundiais por meios que queimam petróleo (estradas).

Podemos entender que São Paulo precisa investir no seu crescimento futuro (copa, olimpíadas), e também da para entender a necessidade do rodoanel no entorno da Serra da Jaguamimbaba (Serra da Cantareira).

Precisamos reconhecer e valorizar

  • as funções ambientais do cinturão verde;
  • as áreas de amortização da influencia urbana (zona tampão);
  • as áreas de reprodução da fauna em extinção (nidificação);
  • as áreas de abrigo da fauna;
  • as áreas de ocorrências de espécies que só existem na Mata Atlantica (endêmica);
  • as áreas produtoras de água potável (mananciais);
  • as áreas de alimentação da fauna ;

e que tudo isso é utilidade publica já existente e bem maior  do que o evidente benefício econômico obtido pela construção do rodoanel.

Ou seja, o Rodoanel é o investimento que o estado precisa fazer. Mas não sobre a inestimável utilidade que a floresta da Cantareira realiza para a humanidade. A utilidade pode ser estimada como varias vezes o beneficio que o rodoanel vai trazer.

Mas, a implantação desse empreendimento, o Rodoanel, será executada.  O estado vai licenciar e executar o empreendimento. Vai mesmo!!!

Então já podemos pensar nos superfaturamento das empreiteiras licitadas, que calculam as gratificações para políticos, ong, companhias ambientais e até aos funcionários públicos. E que tudo isso será justificado pela utilidade pública.

Vamos aos fatos:

A floresta da Cantareira já realiza uma utilidade publica bem maior que o do rodoanel. Esta floresta vale mais que 10 vezes o beneficio do Rodoanel. Portanto, se esta floresta for preservada, ela pode valer 100 vezes mais do que o rodoanel. E se estiver em pé daqui a 200 anos valerá mais do que 1000 vezes o beneficio do rodoanel. Será que da pra calcular quanto vale esta floresta?

O estado precisa reconhecer que a construção deve evitar fragmentar e fragilizar a maior floresta urbana do  mundo, já que o progresso é necessário.

O estado tem que garantir que a maior floresta urbana do mundo mantenha o fluxo gênico que mantém os recurso genético necessário para a subsistência.

O estado deve (CF1988) ter por prioridade manter o ambiente ecologicamente equilibrado para as futuras gerações.

A população pode e deve participar da decisão e se manifestar conscientemente.

Todas as pessoas devem comparecer a audiência publica que será realizada no próximo dia 15.12.2010 e exigir que toda a verba disponível para esta obra, seja utilizada para garantir os reais benefícios de utilidade da floresta da Cantareira, considerando que a verba é suficiente para implantar o rodoanel com todos os aparatos ambientais mínimos e necessários para a subsistência humana.

Vamos unir o útil ao vital.

————————————————————–
Audiência pública – Estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental-EIA/RIMA do empreendimento “Trecho Norte do Rodoanel Metropolitano Mário Covas”, de responsabilidade da DERSA-Desenvolvimento Rodoviário S/A (Proc. SMA 208/2010)

Data: 19 de janeiro de 2011, às 17 horas,
Local: Open Hall Convention Center – Salão Brasil, Av. Antônio de Souza, 779, Guarulhos – SP

————————————————————–

O traçado do Rodoanel trecho norte

—————————————————————-

Rodoanel trecho norte Guarulhos - proposta de licenciamento Dersa

clique na imagem para fazer download do arquivo JPG (5,47Mb)

———————————————————————

Leia também: